CASO NADINHO: Justiça da Bahia transfere caso de PMs envolvidos para Auditoria Militar


CASO NADINHO: Justiça da Bahia transfere caso de PMs envolvidos para Auditoria Militar


Data: 05/07/2019

O caso dos policiais militares envolvidos na ação que acabou na morte do artista plástico Manoel Arnaldo dos Santos, de 61 anos, mais conhecido como Nadinho, agora vai ser investigado pela Vara da Auditoria Militar do Estado. 

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) entendeu que não houve dolo (intenção de matar) na ação, o que fez com que o caso fosse transferido para a Justiça Militar.

De acordo com TJ-BA, a decisão de mudar classificação do crime saiu no dia 9 de junho. Os três PMs, segundo a corporação, foram afastados das atividades na rua, mas ainda continuam com funções administrativas.

O caso ocorreu em Candeias, na região metropolitana de Salvador, em abril de 2018.

Fnte: Site radardabahia.com.br