Ação pede que PGR destitua presidente da Fundação Palmares


Ação pede que PGR destitua presidente da Fundação Palmares


Data: 02/12/2019

Um documento com 62 assinaturas pedindo a destituição de Sérgio de Camargo do cargo de presidente da Fundação Cultural Palmares foi enviado a Procuradoria Geral da República e recebido pelo procurador Augusto Aras.

O texto aponta que a nomeação de Camargo como presidente da fundação é injurídica e vai contra o interesse público, visto que a postura do presidente vai contra o que a fundação defende historicamente.

Em declaração recente, Sérgio de Camargo que é de direita, disse que não existe racismo real no Brasil e que a escravidão foi algo benéfico. O presidente também atacou personalidade negras como Marielle Franco, Lázaro Ramos e até o próprio Zumbi dos Palmares, que dá nome a fundação

O documento finaliza com a declaração de que a nomeação de Camargo tem o objetivo de “frustrar, não apenas a persecução dos objetivos legalmente atribuídos à Fundação, como o cumprimento do dever de enfrentamento do racismo institucional e estrutural e da promoção da igualdade racial expressamente abrigados na Constituição.” O manifesto também pede que Aras investigue o ministro chefe da Casa Civil em exercício , Fernando Wandscheer Alves, acusando-o de abuso de poder e improbidade administrativa.

*Com informações de http://radardabahia.com.br/noticias/83695/acao-pede-que-pgr-destitua-presidente-da-fundacao-palmares