Acontece na Bahia


SIMÕES FILHO: Mulher fica com os pés “apodrecendo” após cirurgia no Hospital – “Não deixa minha mãe morrer”


Data: 07/10/2017

 

 O vendedor de frutas, Jessé da Silva Lima Correia, 34 anos, faz um apelo às autoridades públicas e à sociedade em geral para salvar a vida da sua própria mãe. O empenho de Jessé comove pessoas que vêm conhecendo a sua peregrinação em busca de direitos, onde até desconhecidos compartilham com ele o sentimento de abandono e descaso da Prefeitura Municipal de Simões Filho, por meio da Secretaria Municipal de Saúde.

Drama

O drama de Jessé começou depois que sua mãe, Eliana da Silva Lima, 59 anos, precisou ser hospitalizada após ter cortado um dos dedos do pé esquerdo. No primeiro atendimento, realizado no Hospital Municipal de Simões Filho, a dona de casa descobriu que era diabética, passou por uma cirurgia onde amputou cinco dedos e fez raspagem na perna direita, no entanto, de acordo com Jessé, sua mãe teve alta precocemente, sem conseguir adquirir o atendimento imprescindível ao tratamento pós-cirúrgico.

Em casa, o quadro de saúde de Eliana se agravou bastante, e novamente foi levada ao Hospital Municipal, onde se encontra no momento. A internação foi necessária porque uma “bactéria” infeccionou o local, causando uma “necrose”. A gravidade do problema pode leva-la a morte ou desencadear outras complicações.

Emocionado, Jessé contou que o pé de sua mãe já está apodrecendo, e a infecção já exala um odor muito forte, aumentado o sofrimento da dona de casa, que reclama de uma dor excruciante.

“Minha mãe está internada há quase um mês, porém, o seu caso já chegou ao conhecimento da Secretária de Saúde, e não tem recebido devida atenção. As pessoas querem ajudar, e ela está negligenciando o atendimento, não dá atenção ao caso que é muito grave. Minha mãe precisa urgentemente ser transferida para outro hospital para realizar outra cirurgia se não ela pode morrer. Estamos sem saber o que fazer, a pessoa vem para o hospital, toma a medicação e a situação só se agrava”, explicou Jessé da Silva.

“Pelo amor de Deus! Não deixe minha mãe morrer nessa situação”, pede o filho.

O fato é que toda essa batalha da família de dona Eliana pode cair por terra pela falta de compromisso dos responsáveis pela saúde no município que tem 6ª maior economia do Estado da Bahia. Diante dessa situação, o filho, que teme perder a mãe a qualquer momento, faz um apelo. “Eu não quero perder minha mãe desta forma. Espero que ela seja transferida desse hospital, pois, o médico que fez o procedimento dela, solicitou urgência na transferência para uma unidade que possa resolver esta situação. Secretária, entre em contato conosco. Faz um trabalho digno para minha mãe, que é filha desta cidade e merece ser bem atendida. Pelo amor de Deus! Não deixa minha mãe morrer nesta situação”, clamou.

A família conta que, quando Eliana chegou à unidade de saúde, tinha apenas um ferimento em um dos dedos do pé, hoje, alem de uma necrose nas duas pernas, a paciente pode vim a óbito, caso não seja tomada nenhuma providencia.

“Peço às pessoas que puderem nos ajudar, por favor, que nos ajudem”, implorou Silva

Reposta

O Hospital Municipal de Simões Filho, por meio da Assessoria de Comunicação da Prefeitura, informou que “a paciente foi submetida a uma cirurgia de amputação e quando teve alta, a ferida cirúrgica estava em boas condições, a glicemia controlada, alem de conclusão antibiótica e orientação a acompanhamento regular com um vascular”.

A assessoria do órgão municipal disse, ainda, que “a paciente retornou a unidade hospitalar com infecção do sitio cirúrgico, sendo avaliada pelo vascular da unidade e devido ao problema, foi indicado a amputação mais abrangente da área, porém, não foi realizada, pois ainda se encontra com diabetes descompensada”.

“A paciente se encontra internada no Hospital Municipal sem intercorrências, sem dor, com ferimento limpo e hemodinâmica estável. Encontra-se lucida, orientada e aguardando a regulação para intervenção vascular.” finalizou a assessoria.

***Jerffeson Brandão/Simões Filho Online

Fonte: http://www.simoesfilhoonline.com.br