Esportes


COMO UM GATO! Caíque defende dois pênaltis, Neilton converte última cobrança e Vitória elimina o Inter


Data: 19/04/2018

Na noite desta quinta-feira (19), no Barradão, o Vitória recebeu o Internacional na partida volta da Copa do Brasil e para levar a disputa para os pênaltis, o Leão precisava vencer por um gol de diferença e conseguiu. No pênalti sofrido por Denílson, Neilton bateu e converteu.

Como o Inter venceu o primeiro jogo por 2 a 1 e o Vitória derrotou o Colorado por 1 a 0, a decisão foi para os pênaltis. O goleiro Caíque se redimiu da falha no gol que deu a vitória ao Inter no primeiro jogo, defendeu duas cobranças e garantiu o Leão nas oitavas de final da Copa do Brasil. O Vitória bateu o Internacional nas cobranças de pênaltis por 4x3.

Debaixo de muito chuva, Vitória e Inter entraram em campo e o jogo, claro, desenhava para um cenário de posse de bola para o Rubro-negro, que trocando passes, tentava furar a retranca do Internacional. O Inter por sua vez, jogava fechadinho buscando os contra-ataques.

O primeiro lance de perigo foi dos visitantes. O lateral-esquerdo Iago encontrou Pottker, que tentou por cobertura e para em Caíque, na sobra, Nico López bateu de primeira, exigindo boa defesa do goleiro do Leão.

O Vitória respondeu aos 34 minutos com Rhayner. Ele rolou na área para Denilson, que dominou e bateu, mas a bola desviou na zaga e foi para escanteio. Aos 42 teve mais Vitória. Neilton recebeu de Rhayner e bateu colocado, com muito perigo para o goleiro Marcelo Lomba, do Internacional.

De novo o Vitória, dessa vez com Neilton. Aos 43, ele recebeu na área, driblou dois marcadores e, desequilibrado, bateu para fora. A repsosta do Inter veio no último minuto com Nico Lopez. Ele recebeu boa bola de Pottker e mandou uma bomba, a bola passou muuito perto do gol de Caíque.

Na volta para o segundo tempo, o Vitória mudou a postura e voltou melhor, buscando o resultado. Logo aos 6 minutos, Rhayner exigiu do goleiro Marcelo Lomba. Ele apareceu pelo lado direito, invadiu a área e solta uma bomba.

Quase gol do Leão! Aos 19 minutos, o meia Yago avançou e cruzou na direção de Denilson. O atacante conseguiu desviar, mas a bola foi na trave, para delírio do torcedor Rubro-negro.

Aos 34 minutos, o juiz da partida marcou pênalti em cima de Denilson para o Rubro-negro, após choque entre Iago e o atacante. Neilton foi para a cobrança e converteu, colocando o Vitória na frente do placar: 1 a 0.

O Inter resolveu reagir e chegou bem com Camilo em cobrança de falta. O meia bateu forte, mas o goleiro Caíque caiu no canto certo para impedir o que seria o gol de empate da equipe gaúcha. Fim de papo no tempo normal, a partida foi para os pênaltis.

Nas cobranças, o goleiro Caíque brilhou e defendeu dois pênaltis. Neilton converteu a última penalidade para vencer e avançar às oitavas de final. O adversário do Vitória será conhecido nesta sexta-feira (20), em sorteio que será realizado na Confederação Barsileira de Futebol (CBF).