Polícia


Baralho do Crime da SSP recebe segunda atualização de 2018


Data: 13/03/2018

Seis criminosos procurados pela polícia baiana foram inseridos, nesta segunda-feira (12), no Baralho do Crime da Secretaria da Segurança Pública, ferramenta lúdica criada para estimular a participação popular através de informações. Nesta atualização, todos os incluídos são investigados por homicídio qualificado, sendo que três deles estão envolvidos também com tráfico de drogas.

O Ás de Copas; passa a apresentar a foto de Júlio César Machado da Silva, o “Morcego”, procurado por tráfico de drogas e homicídio qualificado. Ele substituirá Cássio dos Santos Oliveira, conhecido como “Cassinho”, capturado em Sergipe. Já na carta Valete de Paus a inclusão foi do homicida que atua em Camaçari, Ronivaldo da Silva Araújo, o “Roni” ou “Rom Cachorrã”. Ele entra no lugar de João Cleison Mota Carvalho, o “Didi”, preso em Alagoas.

Atuantes em Salvador foram incluídos para as cartas Sete de Espada e Seis de Paus, respectivamente, Fábio Falcão Ferreira, o “Fabinho”, substituindo Rogério Reis dos Santos, conhecido como “Pretinho ou Ró”, e Gilmar Sousa Pinheiro, o “Gil PT”, no lugar de Lázaro Raimundo Dantas da Silva Junior, apelidado como “Maré”.

Também procurados por tráfico de drogas e assassinatos, no interior do estado, a carta Três de Copas, que era ocupada por Leandro Barros de Jesus Gomes, “Leo Bocão ou Leo Louco” agora tem o rosto de Alexsander Eloi Nascimento Santos, o “Eloi”. Fechando a atualização, a Quatro de Espada, que antes tinha Antônio Carlos Ribeiro da Conceição, “Capenga”, foi alterada para Marcos Santos Rosa, conhecido como “Marquinhos”.

Ilustrado com fotos dos criminosos mais procurados da Bahia, o Baralho está disponível 24 horas, através do site do Disque Denúncia. Toda pessoa, de forma sigilosa, pode contribuir com o trabalho policial e ajudar na captura dos bandidos, com informações pelos telefones 71 3235-0000 (para Salvador) e 181 (para o interior do estado).

Fonte: Ascom/Mariana Andrade